ACESSO RÁPIDO

Doação de sangue

 

Como fica a doação de sangue com o COVID-19 (Coronavírus)?

O Ministério da Saúde divulgou a Nota Técnica nº 4 atualizando os critérios técnicos para triagem clínica. Confira:

1 - Doença sintomática ou suspeita de Covid-19, mesmo em casos leves ou moderados: inaptidão por 10 dias após a completa recuperação.

2 - Teste positivo e sem sintomas: inaptidão por 10 dias a contar da coleta do exame.

3 - Pessoas com contato próximo a um caso confirmado de covid-19 nos últimos 10 dias: sem condições de doar por período de 7 dias após o último contato com o caso confirmado.

4 - Candidatos à doação que ficaram em isolamento voluntário ou indicado por equipe médica devido a sintomas: inaptas pelo período que durar o isolamento.

 

Como fica a doação de sangue com o Monkeypox?

Confira a Nota Técnica nº 8 da Agência Nacional de Vigilância Sanitária. 

 

Doação de Sangue

O sangue é um composto de células responsável por levar oxigênio a cada parte do nosso corpo, defender nosso organismo contra infecções e participar na coagulação. Ele é vital e, quando uma pessoa precisa de uma transfusão de sangue, ela precisa de um doador. A quantidade de sangue retirada não afeta a saúde do doador porque a recuperação é imediatamente após a doação.


Horário para doação de sangue

De segunda a sexta-feira (exceto feriados), das 7h30 às 17h30
Sábado, das 7h30 às 12h

 

Faça seu agendamento acessando https://doesangue.santacasa.org.br/.

 

Limite de atendimentos:
Segunda a sexta: 80 pessoas
Sábados: 60 pessoas
Se alcançar o limite de atendimentos, o horário de encerramento poderá ser antecipado.


Importante:

- Pessoas que fizeram vacinas nos últimos 30 dias devem entrar em contato pelo telefone 3214-8025 para mais informações sobre doação de sangue.
- Por motivo de segurança, não é permitida a doação de sangue de pessoas que estejam acompanhadas de menores de 12 anos.

 
Condições básicas para doar sangue:

• Apresentar documento com foto, válido em todo território nacional
• Ter entre 16 e 69 anos de idade (de 16 a 18 anos de idade, devem estar acompanhados por responsáveis legítimos)
• Ter peso acima de 50 kg


Confira aqui a Portaria do Ministério da Saúde sobre a doação de sangue.

 

- Doadores com deficiência  auditiva necessitam sempre estar acompanhado por um interprete de libras.

 

Quem não pode doar?

• Quem teve diagnóstico de hepatite após os 11 anos de idade
• Mulheres grávidas ou amamentando
• Pessoas que estão expostas a doenças transmissíveis pelo sangue como AIDS, hepatite, sífilis e doença de chagas
• Usuários de drogas
• Quem teve relacionamento sexual com parceiro desconhecido ou eventual nos últimos 12 meses
• Quem fez tatuagem ou procedimentos estéticos (como maquiagem definitiva ou micropigmentação de sobrancelhas) há menos de um ano

 

Recomendações para o dia da doação

• Estar alimentado, com intervalo mínimo de 2 horas entre a refeição e a doação (doadores que vierem pela manhã podem tomar café da manhã e com relação ao almoço - refeição aguardar 2h).
• Dormir no mínimo 6 horas na noite anterior à doação
• Não ingerir bebidas alcoólicas nas 12 horas anteriores à doação
• Evitar fumar por pelo menos uma hora após a doação
• Evitar alimentos gordurosos nas 3 horas antecedentes à doação
• Pessoas que exercem profissões que exijam pilotar avião ou helicóptero, conduzir ônibus ou caminhões de grande porte, subir em andaimes e praticar pára-quedismo ou mergulho devem interromper as atividades por 12 horas.


O que acontece depois da doação?

O doador recebe um lanche e instruções referentes ao seu bem-estar, sendo necessário esperar por 30 minutos para dirigir veículos após a doação.

 

O que acontece com o sangue doado?

Todo sangue doado é separado em diferentes componentes (como hemácias, plaquetas e plasma) e assim poderá beneficiar mais de um paciente com apenas uma doação. Os componentes são distribuídos para os pacientes da Santa Casa.

 

ATENÇÃO!

Se você tiver algum sintoma descrito abaixo até 15 dias após a doação, comunique imediatamente o Banco de Sangue:

Principais sintomas:

  • Febre
  • Tosse seca
  • Cansaço
  • Dores e desconfortos nas articulações
  • Dor de garganta
  • Diarreia
  • Conjuntivite
  • Dor de cabeça
  • Perda de paladar ou olfato
  • Erupção cutânea na pele ou descoloração dos dedos das mãos ou dos pés
  • Dificuldade de respirar ou falta de ar
  • Dor ou pressão no peito
  • Perda de fala ou movimento


Outros sintomas
Dor abdominal, ulceração mucosa oral e fotofobia.

 

Certificação:

 

 
Contato: 3214.8025
E-mail: bancodesangue@santacasa.tche.br
Agendamento: doesangue.santacasa.org.br
Localização: Av. Independência, 75 (em frente ao Hospital São Francisco)
Horário: segunda a sexta-feira, das 7h30 às 17h30, e aos sábados, das 7h30 às 12h.
 Não abrimos aos domingos e feriados